Banksy inicia exposição de um mês nas ruas de Nova York


phoneline-cropArtista britânico expõe seus grafites nos muros da cidade americana

Grafite de Banksy em Nova York
bt0hv6k2i2noex7olcgc
NOVA YORK — “Olá, sejam bemvindos a Manhattan”, começa a mensagem acompanhada de música de elevador. “A sua frente, vocês veem uma arte de grafite feita pelo artista Ban-sky. Ou talvez não, alguém já pode ter pintado por cima dela.”
Essa é a nova incursão na arte de rua feita por Banksy, o misterioso artista britânico, e provavelmente seu trabalho mais amplo, ocupando não apenas uma calçada ou muro, mas todo a cidade de Nova York. Entitulado “Better out than in” (”Melhor fora do que dentro”, numa tradução direta), a exibição foi anunciada da forma misteriosa com a qual ele está acostumado.
“No próximo mês Banksy fará uma apresentação nas ruas de Nova York”, diz uma mensagem no site do artista. Até então, dicas de que alguma coisa iria acontecer vinham aparecendo em posters na cidade de Los Angeles, do outro lado dos EUA.
A residência nas ruas de Nova York já começou. A primeira imagem foi localizada na rua Allen, nas imediações do Lower East Side e Chinatown. Pintada numa parede de concreto, mostra uma criança segurando uma lata de spray, em pé sobre outro menino, abaixo de uma placa que diz “Grafite é crime”. Menos de um dia depois, a imagem já foi apagada.
la-et-cm-banksy-chinatown-but-where-is-banksy--001
Para cada imagem, há um guia de áudio que pode ser acessado por telefone, ligando para o número 1-800-656-4271 (nos EUA, claro). Discando 1 após esse número, ouve-se a primeira mensagem: “Essa peça é típica de Ban-sky. A criança nesse caso representa a juventude. A placa representa, bem, placas”. A mensagem também pode ser ouvida neste link =>http://www.banksyny.com/2013/10/01/the-street-is-in-play
O guia explica, com humor, como os stencils são feitos: “Borrifando tinta automotiva através de um pedaço de papelão cuidadosamente cortado. Ou usando o termo correto: trapaceando”.
Na segunda pintura, Banksy brinca com o estilo gráfico dos artistas locais. “Esse é meu sotaque nova-iorquino. Normalmente eu escrevo assim.” Veja a imagem neste link=>http://www.banksyny.com/2013/10/02/westside
Agora precisamos esperar pelas próximas obras, que provavelmente serão divulgadas no site oficial de Banksy e noi Twitter, pela hashtag #banksyny. Ou não. Com Banksy, nunca se sabe.
Fonte: New York Times
##########################################################
Eus-R Doação de Sangue AEus-R Doação de Sangue .

Uma resposta

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: