EM TURNÊ » Vera Cruz e o mundo


O rapper Flávio Renegado se prepara para participar do Back2Black, festival de música negra que será realizado na Inglaterra. Antes de viajar, o cantor faz dois shows em BH
Ailton Magioli

O coração de Flávio Renegado é do Alto Vera Cruz, mas a mente, segundo diz, é do mundo. Na ponte entre Belo Horizonte e São Paulo, paralelamente às viagens para apresentações em todo o país, o rapper mineiro vive o que ele mesmo classifica de “triangulação”, enquanto prepara a decolagem da carreira internacional, a partir da participação no Back2Black. A nova edição do festival de música negra será realizada entre 29 de junho e 1º de julho, em Londres, dentro da programação cultural das Olimpíadas 2012.

Antes, Renegado será atração do Granfinos, dia16, e do festival Natura Musical, dia 24, aproveitando o tempo que ainda resta por aqui para fazer aulas de canto e de inglês em São Paulo, para onde se desloca, semanalmente, de olho no promissor mercado de trabalho externo. “Estou aproveitando para investir”, confessa, por telefone, de São Paulo, onde, além das aulas com a professora Maria Alvim, faz um intensivão de inglês, língua na qual já tem-se arriscado, inclusive, a compor.

Este ano, o rapper vai passar pela Inglaterra, Suécia, França, Estados Unidos e Austrália, além de provavelmente aceitar os convites que acabam de chegar do Canadá, Portugal, Espanha e, novamente, dos Estados Unidos. Vale lembrar que ele estará retornando a alguns países. Desde que viajou a Cuba, em 2009, Renegado não parou mais, tendo se apresentado na Austrália, Espanha, França, Holanda e Inglaterra.

“Estamos conseguindo dar uma expandida na carreira lá fora”, constata o rapper do Alto Vera Cruz, Zona Leste da capital, onde veio à cena por intermédio do Negros da Unidade Consciente ( NUC). Vale lembrar que no Back2Black, além de Gilberto Gil, Emicida, Criolo e Renegado, Macy Gray participará dos shows. Já na França, embarcará em um barco, com capacidade para 450 pessoas, que fica às margens do Sena.

A perspectiva, segundo a produção de Renegado, é de que em setembro ele vá participar de encontro de 15 dias com jovens artistas e músicos do mundo inteiro, na Inglaterra, trocando experiências e mostrando seus trabalhos. Já no Summer Stage, além do rapper mineiro tocarão Criolo e Bebel Gilberto. Em outubro, o objetivo é tocar em uma das maiores feiras de negócios da música, a Womex, que será realizada na Grécia, enquanto em novembro ele já tem fechados seis novos shows na Austrália.
Flávio Renegado acredita que várias situações estão contribuindo para que o rap feito no Brasil amplie o seu espaço no mercado internacional. “Além da Copa do Mundo de 2014, o próprio crescimento econômico brasileiro tem contribuído para isto”, aposta o cantor.

Mercado Na opinião de Renegado, quem tiver trabalho estruturado vai conseguir abrir espaço lá fora. “Apesar de estar desbravando o mercado agora, dá para perceber que o exterior nos recebe muito bem. Senão não voltaríamos, como vai ocorrer comigo agora, quando farei a terceira turnê à Inglaterra”, comemora Renegado, que já se apresentou em casas noturnas londrinas como Passing Clouds e Favela Chic. Nas próximas turnês internacionais, o cartão de visitas será o vinil de seu mais recente CD, Cidadão do mundo, oficialmente lançado no ano passado. A estreia na carreira fonográfica ocorreu em 2008, com o disco Do Oiapoque a Nova York.

Para Renegado, é inegável a força dos grandes festivais em sua carreira. “São sempre importantes, ainda mais o Back2Black, que realiza uma mostra em bloco”, justifica o artista, que participará do evento ao lado de Criolo, Emicida e D2. “Gilberto Gil, no entanto, será o grande patrono deste festival”, faz questão de ressaltar o rapper mineiro, lembrando que o Back2Black aposta não apenas no rap, mas também na black music. Ele admite que gosta do grande palco e dos holofotes. “O festival te consagra, mas o dia a dia são os pubs, nos quais a gente fica cara a cara com o público”, compara Renegado. “Gosto de me permitir mais, de confraternizar sorrisos.”

MINAS NO WOMEX
Com inscrições abertas via editais do programa Música de Minas (www.musicaminas.com), a Womex – maior feira de negócios da música, que este ano será realizada na Grécia – irá contar pela primeira vez com shows de artistas mineiros em sua agenda, de 6 a 23 de outubro. Ao todo serão selecionados, em julho, três grupos que poderão se inscrever no edital de circulação internacional, que também vai escolher atrações para apresentações, em setembro, no Mercado da Música Viva de Vic, na província de Barcelona, na Espanhaber a dilecto filio Antonio Lilio, artium.

Agenda
Em junho
Dia 28, Bedroom Bar, Londres, Inglaterra
Dia 30, Back2Black, Londres, Inglaterra

Em julho
Dia 6, Stallet, Estocolmo, Suécia
Dia 7, Petit Bain, Paris, França
Dia 21, Summer Stage, Central Park, Nova York

################################################################################################################################

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: