“Não quero que minha familia me veja assim”


Quando a gente chega ao hospital, apavorado, achando que vai morrer, os médicos e enfermeiros nos esculhambam. ‘Vai, fuma mesmo, noiado’, eles dizem.

DEPOIMENTO

Avanço do consumo da droga leva governo federal a anunciar plano de ações com recursos de R$ 4,4 bilhões até 2014 (BETO MAGALHÃES/EM/D.A PRESS)

Avanço do consumo da droga leva governo federal a anunciar plano de ações com recursos de R$ 4,4 bilhões até 2014

“Não quero que minha familia me veja assim”

“Quando vim de Colatina (ES) para BH, em 2007, já cheirava cocaína, mas foi aqui que entrei de cabeça no crack. Arrumo os trocados para comprar a pedra pedindo na rua, vendendo lata e sucata que cato. Fumo o dia inteiro, aqui perto da boca de fumo, onde (os traficantes) trazem as pedras (a R$ 5 cada). A gente nem vê a hora passar. É tudo muito louco. Mas sinto a discriminação de quem passa. Se quero ajuda? Quando a gente chega ao hospital, apavorado, achando que vai morrer, os médicos e enfermeiros nos esculhambam. ‘Vai, fuma mesmo, noiado’, eles dizem. Sinto falta da minha mulher, das minhas duas filhas e duas netas que moram em Santa Luzia. Mas não quero que me vejam assim. Prefiro que me vejam morto, quieto, dentro do caixão. Queria ajuda para parar. Acho que quando passar minha condicional, em quatro meses, largo a droga e volto para minha terra. Fui preso e fiquei 11 meses na cadeia, só porque tinha umas pedras. Era coisa de usuário, mas me fizeram perder quase um ano da minha vida na prisão. Se vou continuar fumando lá, só Deus sabe”
M.C., de 41 anos,
####################################################

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: