MC Karol Conka mostra mundo de fábulas e gandaia em 1º disco solo


Antes que vaias irrompessem da plateia marrenta, que aguardava ansiosa pelo show do rapper GOG, o som voltou ao normal e a jovem MC pôde mostrar a que veio.
Por:MAYRA MALDJIAN
Garrafinhas de água voaram quando Karol Conka, no auge de seus 17 anos, pisou pela primeira vez num palco.

Desajeitada, enroscou o pé no cabo do microfone e desplugou tudo. “Na verdade, eu mal sabia como segurar aquilo”, lembra, aos risos, a rapper curitibana, hoje com 25.

Antes que vaias irrompessem da plateia marrenta, que aguardava ansiosa pelo show do rapper GOG, o som voltou ao normal e a jovem MC pôde mostrar a que veio.

Com repertório de uma música só, “Aqui Você Não Pode”, uma de suas primeiras composições, ganhou o público com um “flow” (a levada da rima) original e o baita cutucão que a letra dava nas “minas” do rap.
Divulgação
A MC curitibana Karol Conká é a nova aposta do rap nacional

Sensação do rap nacional, a curitibana Karol Conka prepara disco de estreia

“Eu via alguns shows de MCs mulheres e achava muito feio, porque elas se comportavam como homens. Resolvi escrever sobre isso”, explica. Naquela noite, repetiu a música umas três vezes.

Atualmente, Karol, que cresceu ouvindo MPB, carrega o status de promessa do rap nacional –“vaga” preenchida também por talentos como Flora Matos. Foi indicada na categoria revelação do VMB 2011, da MTV, com o clipe de “Boa Noite”, e se prepara para lançar seu disco de estreia ainda neste ano.

Os bons ventos, porém, começaram a soprar há pouco tempo. No ano passado, lançou um pacotinho de rimas na web. Foi o que bastou para o telefone não parar de tocar. No visor, DDDs do sul ao norte do país.

FÁBULA E GANDAIA
Produzido por Nave Beats (Marcelo D2, Emicida), o álbum tem de pancadão a dubstep, tudo alinhavado com traços nordestinos (“vovó é baiana”) e do hip-hop (“queria ser a Lauryn Hill”).

“É tudo pensado para a pista de dança”, destaca Karol. “Gandaia”, que já está no setlist dos shows, é o maior exemplo do clima de noitada.

Mas é a soturna e arretada “Mundo Loko” a melhor representante da mistura que a MC curte fazer.”É uma fábula sobre meu universo doido.”

A VOZ DOS VETERANOS

“Quando vi o clipe da ‘Boa Noite’, pensei: ‘Que maravilha, cara, finalmente uma menina rimando bem, num beat com personalidade.”
MC Lurdez da Luz, 31

“Eu chapei na ‘Boa Noite’. Mesmo sendo um ‘dirty south’ [estilo de rap típico do Sul dos EUA], foi sampleada uma coisa brasileira, do candomblé, do axé. É um barato autêntico, ela não copia a levada de ninguém.”
Kl Jay, 38, DJ dos Racionais MCs

“Ela conquista muito pelo carisma. Karol tem uma postura de palco que poucos MCs do Brasil têm, preenche o palco mesmo sendo pequenininha. Ela está andando muito bem e pisando firme por onde ela passa.”
MC Kamau, 35

Veja outros Vídeos:


####################################################

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: