CONSCIÊNCIA NEGRA


A presidenta da República, Dilma Rousseff, sancionou no último dia 10 de novembro, a Lei 12.519, que institui o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra.
Nós, homens e mulheres afro-descendentes precisamos encher as escolas e estudar para ocupar nosso lugar, por direito, na sociedade; sempre pensando em um futuro melhor para a nova geração juntamente com os aspectos políticos e sociais, honrando nossos antepassados que trabalharam para o crescimento deste país. Somente através dos estudos, fazendo cursos técnicos ou indo para as universidades vamos quebrar as outras algemas que nos colocaram, após libertação da escravidão. Assim, poderemos fazer uma verdadeira valorização da cultura afro-brasileira nesse dia 20 de novembro, Dia da Consciência Negra. Viva Zumbi dos Palmares!

Por: Fernando O. Lima Zizu

*#*

A lei N.º 10.639, de 9 de janeiro de 2003, incluiu o dia 20 de novembro no calendário escolar, data em que comemoramos o Dia Nacional da Consciência Negra. A mesma lei também tornou obrigatório o ensino sobre História e Cultura Afro-Brasileira. Com isso, professores devem inserir em seus programas aulas sobre os seguintes temas: História da África e dos africanos, luta dos negros no Brasil, cultura negra brasileira e o negro na formação da sociedade nacional.

Com a implementação dessa lei, o governo brasileiro espera contribuir para o resgate das contribuição dos povos negros nas áreas social, econômica e política ao longo da história do país.
A escolha dessa data não foi por acaso: em 20 de novembro de 1695, Zumbi – líder do Quilombo dos Palmares- foi morto em uma emboscada na Serra Dois Irmãos, em Pernambuco, após liderar uma resistência que culminou com o início da destruição do quilombo Palmares.

Então, comemorar o Dia Nacional da Consciência Negra nessa data é uma forma de homenagear e manter viva em nossa memória essa figura histórica. Não somente a imagem do líder, como também sua importância na luta pela libertação dos escravos, concretizada em 1888.

Porém, hoje as estatísticas sobre os brasileiros ainda espelham desigualdades entre a população de brancos e a de pretos e pardos. Por isso, é importante conhecermos algumas informações sobre o assunto
Em pleno século XXI, passados 119 anos da chamada abolição, negras e negros de nosso país continuam oprimidos. Este legado que passa de geração a geração Esta entranhado e não damos conta que lutas como esta vem mudando e aos poucos conscientizando ,colocando em discussão tudo que foi vivido no passado que ainda Reflete muito forte hoje ….
Por: Wg de Rua

############

CONSCIÊNCIA NEGRA
Nós, homens e mulheres afro-descendentes, precisamos encher as escolas e estudar para ocupar nosso lugar, por direito, na sociedade; sempre pensando em um futuro melhor para a nova geração juntamente com os aspectos políticos e sociais, honrando nossos antepassados que trabalharam para o crescimento deste país. Somente através dos estudos, fazendo cursos técnicos ou indo para as universidades vamos quebrar as outras algemas que nos colocaram, após libertação da escravidão. Assim, poderemos fazer uma verdadeira valorização da cultura afro-brasileira nesse dia 20 de novembro, Dia da Consciência Negra. Viva Zumbi dos Palmares!

Fernando O. Lima Zizu

Veja os Vídeos:


Veja Galeria de Fotos:


####################################################

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: